top of page

Avaliação e Autoavaliação: Garantia de uma Trajetória Participativa da Criança na Educação

Muitos educadores encaram as palavras "avaliação" e "autoavaliação" com uma certa apreensão, talvez devido a uma compreensão limitada destas ferramentas. No entanto, quando vistas sob uma luz diferente, revelam-se essenciais para o desenvolvimento profissional e para a criação de ambientes educativos ricos e significativos.


No coração da pedagogia para a infância, está a compreensão do/a educador/a sobre a criança como um ser competente, pleno de potencial e ativo na sua própria jornada de aprendizagem.


Ao abraçar esta visão, o/a educador/a fundamenta a sua prática numa intencionalidade educativa que ressoa em todas as dimensões do ambiente pedagógico, assegurando que as crianças sejam escutadas, respeitadas e encorajadas a participar. Este é o alicerce sobre o qual construímos uma dinâmica educativa partilhada, onde a participação da criança é não só valorizada, mas essencial para a construção do conhecimento.


A avaliação contínua da interação, do ambiente e dos processos educativos, bem como do desenvolvimento e das aprendizagens de cada criança e do grupo, torna-se um instrumento vital para a reflexão e melhoria constante. Esta prática de avaliação vai além da simples observação, transformando-se num diálogo ativo entre profissionais e famílias, ampliando a compreensão das necessidades, interesses e potencialidades de cada criança.


Por sua vez, a autoavaliação permite ao/a educador/a refletir sobre a sua prática pedagógica e o seu papel dentro da equipe educativa, promovendo uma cultura de aprendizagem mútua e crescimento conjunto. É através deste processo reflexivo que o/a educador/a pode assegurar a coerência entre as suas ações e os princípios éticos e profissionais que regem a profissão, reafirmando o compromisso com uma educação que respeite a singularidade e as visões de mundo de cada criança e da sua família.


Através da autoavaliação e da avaliação do nosso trabalho, garantimos também que estamos a cumprir a nossa missão de acompanhar cada criança no seu desenvolvimento, assegurando que o seu direito à decisão e influência na sua aprendizagem seja uma realidade vivida diariamente. Desta forma, cada educador/a torna-se um aliado na jornada de cada criança, fornecendo não apenas educação, mas também cuidado e apoio, fundamentais para o bem-estar e para a construção de uma base sólida para o futuro.


A combinação destas práticas de avaliação e autoavaliação é, portanto, a garantia de que estamos no caminho certo, comprometidos não apenas com a qualidade do nosso trabalho, mas com a qualidade das experiências que moldam os primeiros anos das crianças sob nossa tutela. É um testemunho do nosso empenho em nos mantermos atentos e responsivos às dinâmicas de uma profissão que requer atenção constante e cuidado profundo - o coração da nossa vocação como educadores.



Comentarios


bottom of page